sábado, 12 de agosto de 2017

Eu preciso, original em 30/01/1989

Num aconchegante café, eu me fiz essa simples pergunta: - O que eu preciso ?/

Meu poema: Eu preciso, com *duas sugestões de um ser humano especial, de outro planeta, a N.V.


Eu preciso respeitar os sinais enviados pelo universo
Eu preciso curtir mais os pequenos prazeres da vida
*Eu preciso ter mais coragem 
Eu preciso de música
Eu preciso de sol
Eu preciso de vida
Eu preciso de cores
Eu preciso de carinho
Eu preciso de você
Eu preciso aprender mais com o meu filho
Eu preciso sonhar mais

Eu preciso de mais amor
Eu preciso de mais encontros verdadeiros
Eu preciso de acolhimento
Eu preciso de respeito
Eu preciso errar mais
Eu preciso de menos opiniões alheias
Eu preciso segurar melhor as rédeas da minha vida
Eu preciso ouvir muito e falar pouco
Eu preciso de uma viagem interior
Eu preciso ouvir atentamente o silêncio
E finalmente eu preciso sorrir e * sorrir ainda mais...